Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

FIM da Trafulhice

Pelo exposto ao longo do presente documento -- Chega de fabricar crimes na secretaria - que para acabar com tais propósitos, a gravação de imagem e som é o remédio certo - complementado com o crime de enriquecimento inj.

FIM da Trafulhice

Pelo exposto ao longo do presente documento -- Chega de fabricar crimes na secretaria - que para acabar com tais propósitos, a gravação de imagem e som é o remédio certo - complementado com o crime de enriquecimento inj.

DENUNCIA E QUEIXA

por CORRUPTOS, em 14.11.17
 
 

----- Mensagem encaminhada de "Raul M.Q.C.S.silva" <raulcaldeira@hotmail.com> -----
   Data: Mon, 13 Jun 2016 12:17:22 +0100
     De: "Raul M.Q.C.S.silva" <raulcaldeira@hotmail.com>
Assunto: DENUNCIA E QUEIXA!
   Para: "mp.abrantes.tc" <mp.abrantes.tc@tribunais.org.pt>
     Cc: procurador geral <mailpgr@pgr.pt>
 
 
 
Aos especiais cuidados, da Exmª. Sr ª. Procuradora-Geral da Republica !
(Joana Marques Vidal)

Processo: 53/13.8 GDABT
 
Assunto: Denuncia e queixa
 
Raul Manuel Quina Caldeira Soares da Silva, mais bem identificado nos autos à margem indicados, vêm " mui " respeitosamente, a implorar a melhor das atenções, para os factos que se vão passar a enunciar - Alertando desde já, antes: para o facto de ao arguido lhe estar a ser vedado o acesso ao direito e aos tribunais - encontrando-se nesses termos - Condenado a (1) ano de prisão efetiva - para o que se vai então passar a denunciar os factos, e consequentemente apresentar queixa, contra os seus responsáveis - nos termos e pelos seguintes fundamentos: http://atoscorruptos.blogs.sapo.pt/doutor-botelho-do-entroncamento-foi-a-6254
 
Dessa feita: Segunda - feira 13-06-2016, por solicitação do tribunal Cf.

 

ActoProcessual (3).jpg

Nesse âmbito, o arguido a pedido do advogado, entregou no tribunal de Abrantes, o cd - Cf.  

comprovativo de entrega de recurso cd.jpg

 Pelo que veio a Juiz a declarar, em aceitar o recurso nesses termos - Cf.

ActoProcessual 1.jpg

 Perante tais procedimentos, ao abrigo do disposto, no nº2 do artigo 63 do CPP). O arguido retira parcialmente, o valor ao ato, praticado pelo Drº. Botelho: https://atoscorruptos.blogs.sapo.pt/recurso-dro-botelho-5932  - Aproveitar do recurso o que houver, de aproveitar ao arguido, em matéria de direito - em particular no que toca ao pedido de absolvição - que de resto em matéria de facto - Cabe em apreciar, o que o tribunal ignorou, como já se encontra estabelecido: http://atoscorruptos.blogs.sapo.pt/doutor-botelho-do-entroncamento-foi-a-6254

 
Salvo o devido respeito e melhor opinião, não o foi por mero acaso, que a senhora Procuradora-Geral da República, veio a ser arrolada como testemunha abonatória pelo arguido (mas que nunca veio - a se fazer estar presente, apesar de sucessivos requerimentos do arguido, a não prescindir do seu depoimento) - tal como se retrata da contestação:http://atoscorruptos.blogs.sapo.pt/3-contestacao-enviada-ao-doutor-16788
 
Pois na verdade o recurso apresentado, pelo advogado, em matéria de facto - têm segundas intenções, pelo que se pode interpretar, como uma manobra chantagista, em forma de ultimato, do tipo: "  ou aceitas o recurso, nesses termos, ou vás preso - isso mesmo é que se verifica - com o objectivo bem definido de aproveitar à Juiz (no fundo ao sistema, que atira com inocentes para a cadeia) - por alteração dos factos astuciosamente - em detrimento do (S) arguido (os), promovendo assim, a criminalidade - contra os legítimos interesses do - Estado, cidadãos e a sociedade.
 
- Perante tão vasto mar de incongruências: submete-se o presente a superior apreciação por parte de V.Exª. Não descurando, que o arguido, encontra-se, condenado a 1 ano de prisão efetiva - Vendo a sua liberdade e patrimônio ameaçados - Refém (a mal e à força), às mãos de um advogado - contra a sua própria vontade, por imposição da Juiz, que escudando-se, ao abrigo do disposto no nº1 do artº. 64 do CPP). - Pelo que retirou essa magistrada os direitos da defesa ao arguido, dispensado inclusivamente, a presença do mesmo: Assegurando e exigindo apenas e tão só - a presença do advogado - Quando na verdade, ao arguido, no caso em apreço - assiste-lhe todo o direito de poder vir assumir a sua própria defesa: http://atoscorruptos.blogs.sapo.pt/advogado-nao-e-obrigatoriedade-absoluta-5554
 
Conclusão: A Juiz agiu deliberadamente, de forma bem consciente, que ao condenar um cidadão inocente, nessas circunstâncias ( a mal e à força) - incorria assim, na prática de um crime p.pº no nº 3 do art. 369 do CP. - pelo que a imposição do advogado, foi para defesa dela mesma, a Juiz (...) - E não do arguido, como por demais o aqui se confirma.
 
Contudo, pede-se para que o recurso venha a ser apreciado nos moldes descritos - e que se proceda judicialmente contra os seus responsáveis.
 
Para o efeito, requer-se a emissão das respectivas guias: para pagamento, das taxas legais de justiça - para o que o arguido se pretende em vir a constituir, como assistente.
 
P.D.
https://fotos.web.sapo.io/i/ub7125b16/13695166_knTDV.jpeg 
 
Raul Manuel Quina Caldeira Soares da Silva
 
13 de Junho do ano 2016

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D

Favoritos